facebook
Você já se perguntou por que
nosso conteúdo é gratuito?
Somos uma ONG de fomento ao empreendedorismo de alto impacto que capacita
4 MILHÕES
DE EMPREENDEDORES
A CADA ANO
Faça a sua doação e contribua para continuarmos
este trabalho em 2016!

Como gerir seu Supply Chain e ser mais eficiente

LoadingFavorito

O supply chain pode ser um relevante diferencial competitivo para sua empresa. Aprenda o que é e os pontos mais importantes para fazer um bom gerenciamento 

Mesmo vendendo bem, e vendo seu negócio crescer, algo te diz que você poderia estar fazendo sua tarefa melhor. Que poderia cortar custos, e melhorar seu lucro em cima da venda de cada produto. A resposta para essa questão pode estar no gerenciamento de sua cadeia de suprimentos, ou o seu supply chain.

Supply chain, ou cadeia de suprimentos, é um conceito ligado à logística e tudo que envolve o processo de produção de um produto, até ele atingir o seu cliente, e também todos os estágios e atores envolvidos direta, ou indiretamente, no atendimento de um pedido –fornecedores, fabricantes, distribuidores, lojistas e clientes. Conhecer e gerenciar o supply chain, é fundamental para qualquer empresa, independentemente de seu tamanho, pois possibilita que a empresa encontre formas mais eficientes e econômicas para produzir e entregar o seu produto.

De uma maneira bem básica, o gerenciamento da cadeia de suprimentos envolve decisões do campo estratégico, de planejamento e operacional, como o controle dos fluxos de informação, materiais e serviços, bem como a coordenação de decisões estratégicas relacionadas a estoques, estratégias de venda, distribuição, negociação com fornecedores… Enfim, tudo.

Quando você melhora a forma como produz algo, você economiza e também melhora a entrega para o seu cliente

Claro, quanto mais complexa for o supply chain de uma empresa e maior for a sua produção, mais complexo também será fazer esse gerenciamento.

Exemplos reais de sucesso e problemas ligados ao supply chain

Cada caso é um caso, e cada estratégia de gerenciamento de supply chain deve ser pensada para atender às necessidades e objetivos específicos de cada empresa. Para a Apple, o acompanhamento das operações e fornecedores da cadeia de suprimentos é um fator estratégico. Assim, ganha em melhores preços de fabricantes e transportadores. Além disso, tem um sistema organizado que possibilita acompanhar os produtos nas lojas em tempo real, o que possibilita ajustar as previsões de produção diariamente.

A Boeing, por sua vez, por conta do grande número de fornecedores, compartilha informações sobre seus planos de produção e assim consegue negociar com seus fornecedores melhores preços uma vez que eles ficam por dentro das perspectivas de aumento de produção da empresa e isso aumenta a confiança na relação.

Agora, é preciso ter muito cuidado com relação aos parceiros e fornecedores de uma empresa. Se o seu fornecedor trabalha de alguma forma ilegal, você pode ter problemas também. Em 2011, por exemplo, a ZARA enfrentou grandes problemas frente uma acusação de que um de seus fornecedores indiretos usava mão de obra escrava em sua produção.

O papel da empresa vai muito além do que ocorre dentro de seus muros. Mais uma razão para monitorar de perto o supply chain.

Cadeia de fornecedores: vantagens e oportunidades para grandes e pequenos

Apostar em bons parceiros é um ponto crucial para uma empresa se diferenciar no mercado. E nem sempre os melhores parceiros são as maiores empresas. Muitas pequenas empresas apresentam um grande potencial disruptivo, e podem agregar muito valor a uma cadeia de suprimentos. Ora, se uma PME desenvolver um produto que pode ajudar a organizar, facilitar ou reduzir custos de algum processo dentro da cadeia de uma grande empresa, ambas só têm a ganhar unindo forças.

Veja o caso da Tecnisa, por exemplo, que organiza encontros com outros empreendedores e startups para buscar serviços e produtos que possam melhorar sua cadeia produtiva. Em um desses, encontraram uma pequena empresa que desenvolveu para eles um software para montar catálogos online de seus imóveis. Com isso, facilitaram muito a vida de seus corretores, que não precisaram mais carregar catálogos para lá e para cá. Em vez disso, passaram a utilizar tablets.

Triple A do supply chain: agilidade, adaptabilidade, alinhamento

Em geral, a grande preocupação em relação a gestão de cadeia de suprimento diz respeito a velocidade e rentabilidade. Mas outros fatores, o “Triple A” da cadeia, também são fundamentais:

  • Agilidade: seu fornecedor cancelou abruptamente um contrato e você tem um pedido grande para entregar. Não vamos discutir essas alternativas agora, mas a mensagem é que você TEM que estar preparado para lidar com esse tipo de situação. Encontrar uma saída alternativa ágil e eficiente.
  • Alinhamento: há muitas vantagens em compartilhar informações entre fornecedores e demais parceiros. Para que isso funcione, é necessário construir uma relação e confiança mútua. Alinhando objetivos, é possível traçar em conjunto as melhores estratégias e ganhar em muitos aspectos, como melhores condições de negociação de prazos e pagamentos.
  • Adaptabilidade: o funcionamento de um supply chain deve acompanhar os avanços tecnológicos e mudanças de contexto Quando mais antenado e à frente das tendências e processos uma empresa estiver, maior será o seu diferencial competitivo.

Quais são os principais pontos do supply chain?

Há quatro fatores chave que devem ser considerados no gerenciamento da cadeia de suprimentos:

  • Transporte:  de alguma maneira será preciso transportar insumos até o estoque ou do estoque para outro lugar. Nesse aspecto, é fundamental considerar o custo e a eficiência do sistema e modal escolhido para tomar as melhores decisões.
  • Informação: acredite, o sucesso alcançado na gerenciamento do supply chain é diretamente proporcional à qualidade e organização das informações disponíveis sobre o processo. É fundamental coletar dados e fazer análises sobre todos os pontos da cadeia de suprimentos para determinar as melhores estratégias

Dicas para cuidar do supply chain

O melhor modelo de gestão de cadeia de suprimentos deve considerar o planejamento do equilíbrio entre a oferta e a previsão da demanda; seleção e relacionamento com fornecedores; fabricação do produto; armazenagem do produto; entrega do produto; devolução do produto pelo cliente, caso necessário; e serviço de atendimento ao cliente.

Confira algumas dicas para fazer tudo isso:

  • Mapear processos: é a única maneira de controlar totalmente a produção e identificar as fragilidades da cadeia. Você pode usar ferramentas como o PPCP para isso.
  • Compartilhar seus sistemas da cadeia de suprimentos com fornecedores: mais uma vez o A de “alinhamento”. Conecte os processos, assim seus fornecedores sempre saberão se você precisa ou não de determinado insumo e poderão fazer entregas mais ágeis.
  • Fazer boas previsões de demanda: uma forma de gerir melhor sua cadeia de suprimentos é melhorar as previsões de demandas.
  • Integrar as equipes: equipe de vendas, planejamento de operações, produção, finanças, e até marketing devem trabalhar em sinergia para alcançar os melhores resultados.
  • Investir em um bom sistema de TI: usar um sistema complete e integrado pode ser um grande diferencial e trazer ganhos em eficiência e agilidade nos processos, além de minimizar possíveis erros humanos e situações inesperadas. Mais uma vez: informação é tudo.
  • Acompanhar de perto o desempenho de fornecedores: um problema de um fornecedor possivelmente será um problema seu. Se ele não entregar, você não produz. Então acompanhar de perto o desempenho dos fornecedores é crucial
A Endeavor é a organização líder no apoio a empreendedores de alto impacto ao redor do mundo. Presente em mais de 20 países, e com 8 escritórios em diversas regiões do Brasil.

Acreditamos que a força do exemplo é o caminho para multiplicar empreendedores que transformam o Brasil e por isso trazemos aprendizados práticos e histórias de superação de grandes nomes do empreendedorismo para que se disseminem e ajudem empreendedores a transformarem seus sonhos grandes e negócios de alto impacto.

Deixe seu comentário

Parceiros
Criação e desenvolvimento: