Você já se perguntou por que
nosso conteúdo é gratuito?
Somos uma ONG de fomento ao empreendedorismo de alto impacto que capacita
4 MILHÕES
DE EMPREENDEDORES
A CADA ANO
Faça a sua doação e contribua para continuarmos
este trabalho em 2016!

Qualidade Total: o objetivo de todo empreendedor

LoadingFavorito
Qualidade Total: o objetivo de todo empreendedor

Com uma gestão voltada à Qualidade Total o empreendedor ganha em redução de custos e melhores entregas para o cliente. Saiba mais sobre isso e entenda sua importância

Se tem uma coisa que todo empreendedor persegue é a excelência em processos, a melhoria no atendimento ao cliente, a redução de custos e, de forma geral, fazer sua entrega ao consumidor final cada vez melhor. Em outras palavras, todo empreendedor quer alcançar a qualidade total.

Como a própria expressão sugere, significa de fato, elevar ao máximo o valor agregado de cada etapa da operação para, enfim, alcançar os melhores resultados em termos de satisfação do cliente, preços e processos produtivos.

Essa busca por melhorias constantes é, também, uma estratégia de administração, conhecida como TQM (Total Quality Management, ou gestão da qualidade total) cujo objetivo é criar consciência da qualidade em todos os processos organizacionais da empresa. Isso mesmo, da alta gerência ao funcionário de chão da fábrica, passando, inclusive, pelos fornecedores, distribuidores e demais parceiros de negócios.

Pode ser definida, de forma bem resumida, como “o atendimento pleno das necessidades de um cliente”. Este atendimento pleno às exigências dos clientes depende da implantação de processos de melhoria contínua.

Os 10 mandamentos são:

  • Total satisfação dos clientes
  • Desenvolvimento da equipe
  • Constância de propósitos
  • Gestão participativa
  • Aperfeiçoamento contínuo
  • Garantia da qualidade
  • Delegação
  • Não aceitação de erros
  • Gestão de processos
  • Disseminação de informações

Entendendo um pouco o contexto

O conceito teve sua origem nos anos 60, como um sistema eficaz para integrar o desenvolvimento e manutenção da qualidade e os esforços de melhoria entre os diferentes setores de uma empresa. Tudo isso com o objetivo de criar produtos ou serviços com o máximo de economia e a plena satisfação dos consumidores.

Mas foi a Toyota…

Que, pela primeira vez, aplicou com sucesso o conceito. Aliás, eles foram pioneiros em muitas coisas, entre elas na aplicação do método Kanban, forma visual tão simples quanto eficiente, para gerenciar a evolução das etapas da linha de produção. (No artigo Kanban: como ver, literalmente, as tarefas te ajuda no seu processo produtivo você aprende mais sobre o tema)

Não se engane, estamos falando de algo altamente atual

Apesar de ter surgido nos anos 60, o conceito é muito atual e presente em diversas organizações. O motivo é simples: quem não busca melhorias contínuas em seus processos?

Muitas são as vantagens de perseguir esse objetivo dentro de uma organização. Só para citar algumas:

  • Aumento de satisfação e confiança de clientes;
  • Aumento da produtividade;
  • Redução de custos internos;
  • Melhoria da imagem e dos processos de modo contínuo;

Qualidade Total: uma missão para todos da empresa

Quando falamos em Qualidade Total, um preceito básico é que a empresa realmente englobe e engaje todos os funcionários da empresa para atingir esse objetivo. Para que isso aconteça, a metodologia está baseada no conceito de empoderamento das pessoas, que dá à todos a autoridade para tomar decisões que normalmente eram dadas aos gerentes. Assim, eles desenvolvem autonomia e podem resolver questões diretamente, poupando tempo e agilizando a resolução de problemas. Essa autonomia também ajuda na motivação e alinhamento da equipe com a missão da empresa, o que gera um comprometimento maior com a meta comum e garante com que cada etapa da produção seja executada com precisão.

Mas para que essa autonomia funcione, a empresa precisa investir em desenvolver uma cultura organizacional que motive e reúna todos os funcionários em torno do objetivo comum. É a cultura organizacional que vai desenvolver diretrizes para uma empresa de sucesso, a começar pela forma como os funcionários vão enxergar o negócio e agir dentro dele. Quem investe em uma gestão de pessoas e uma cultura corporativa de qualidade acaba gerando maior satisfação entre os clientes e obtendo maior lucro em suas atividades.

Quando cada um sabe da importância de sua atuação para todo o processo, é muito provável que objetivos relacionados à melhorias contínuas sejam alcançados. A conscientização, a busca da qualidade e o reconhecimento da sua importância é fundamental.

Como é uma filosofia de gestão baseada na satisfação dos clientes internos e externos envolvidos na empresa, ou seja, é um meio para atingir os objetivos e resultados desejados, ela faz uso de várias técnicas e ferramentas de gestão para fazê-la funcionar, como o ciclo PDCA, Seis Sigma, 5S e PCP. Revisaremos algum deles abaixo:

Sigma: uma ferramenta que te leva à excelência

Criar processos internos realmente mais eficientes, econômicos, e que garantam a qualidade do serviço prestado por uma empresa é fundamental para que ela permaneça competitiva no mercado. O Seis Sigma (ou Six Sigma, em inglês) é uma ferramenta internacionalmente reconhecida e amplamente utilizada para identificar e implementar melhorias nos processos internos de uma empresa, garantir custos de operação menores e, consequentemente, aumentar os lucros.

O Sigma é uma letra do alfabeto grego, e também uma medida de variação utilizada em estatística. No universo empresarial, a Sigma se refere à frequência com que determinada operação ou transação utiliza mais do que os recursos mínimos necessários para satisfazer o cliente, ou seja, ela determina uma taxa de desperdício/desvio por operação. Assim, você pode usar o Seis Sigma para calcular matematicamente o nível de desempenho dos processos da sua empresa e obter um diagnóstico do seu nível de qualidade.

Os sigmas representam algo como uma escala de qualidade, onde 1-sigma é o nível mais baixo, com alta quantidade de defeitos e grande potencial de perda de suas vendas devido à não-qualidade. Uma empresa que está no nível 6-sigma, que é o mais alto nível de excelência dentro da metodologia, tem apenas 3 defeitos em um milhão.

PCP: um passo importante para a Qualidade Total

Não é segredo para ninguém que a logística é uma parte fundamental da operação de uma empresa, que pode ser um grande diferencial competitivo – atribuindo agilidade, economia e mais qualidade aos processos – ou o extremo oposto. Então, vamos falar sobre PCP, mais um conceito importante que você precisa conhecer para melhorar ainda mais sua operação, e sobre como essa atividade pode ser muito mais estratégica do que você imagina.

PCP é a sigla para Planejamento e Controle de Produção (em inglês Production Planning and Control), ou seja, o sistema de gerenciamento de recursos operacionais de uma empresa, que engloba todas as atividades que envolvem o processo de produção e a consolidação de todas essas informações relativas ao mesmo.

Mas, mais do que estabelecer o formato adequado dos processos de produção, o PCP também tem uma função muito estratégica dentro da empresa. Fazer PCP não se trata de uma tarefa exclusivamente operacional, muito pelo contrário, o gestor dessa atividade deve estar constantemente em contato com outros setores da administração da empresa, pois, juntos, poderão traçar estratégias precisas e direcionar investimentos.

E como saber se minha empresa está aplicando a metodologia da Qualidade Total corretamente?

Para garantir padrões internacionais de Qualidade, algumas organizações internacionais como a ISO, Organização Internacional para Normalização (International Organization for Standartization) localizada em Genebra, desenvolveram regras e padrões para reger situações contratuais e comprovar que a empresa é administrada com qualidade, como a série ISO 9.000, ISO 14.000,  OHSAS 18.001 e ABNT 16001. Para saber como certificar a sua empresa nos padrões internacionais, veja o passo a passo nesse artigo da PEGN.

Por fim, é importante frisar que, além de engajar sua equipe em torno desse objetivo comum, e concretizar todos da importância de cada um para o sucesso da gestão de Qualidade Total, é fundamental saber que essa gestão é para sempre. Lembra do papo de melhorias contínuas? Então. Não tem fim e você deve sempre persegui-la, mesmo que acredite já ter alcançado a excelência.

Leia mais:

Como fazer sua empresa crescer com qualidade 

A Endeavor é a organização líder no apoio a empreendedores de alto impacto ao redor do mundo. Presente em mais de 20 países, e com 8 escritórios em diversas regiões do Brasil.

Acreditamos que a força do exemplo é o caminho para multiplicar empreendedores que transformam o Brasil e por isso trazemos aprendizados práticos e histórias de superação de grandes nomes do empreendedorismo para que se disseminem e ajudem empreendedores a transformarem seus sonhos grandes e negócios de alto impacto.

Deixe seu comentário

Parceiros
Criação e desenvolvimento: