facebook
Você já se perguntou por que
nosso conteúdo é gratuito?
Somos uma ONG de fomento ao empreendedorismo de alto impacto que capacita
4 MILHÕES
DE EMPREENDEDORES
A CADA ANO
Faça a sua doação e contribua para continuarmos
este trabalho em 2016!

O Plano B combina mesmo com você?

LoadingFavorito
O Plano B combina mesmo com você?

Empreender em tempos de crise é sempre o plano B para quem está na corda bamba ou acaba de ser demitido, mas o que é importante considerar nessa empreitada?

Muitos amigos meus e, certamente, muitos seus, enquanto tentam uma recolocação – que no mercado atual pode ser mais demorada ou menos promissora – me consultam sobre abrir o próprio negócio.

Esse é um papo para muitas horas. Mas, em geral, sigo uma linha de pensamento que é fundamental:

Você tem a personalidade de um empreendedor? Ou é só uma solução de momento?

Essa resposta guia a tomada de decisão porque é preciso que as características prevaleçam, já que qualquer novo business é uma jornada de herói. E o que a gente está dizendo aqui a ciência comprova.

Um novo relatório da Truity Psychometrics mostrou que 13,5% das pessoas com a personalidade que eles classificam com as características de extrovertida, intuitiva, reflexiva e perceptiva, se declaram empreendedores. A explicação? Estudos da neurociência indicam que níveis de extroversão estão relacionados com a forma que o o cérebro processa a dopamina. Extrovertidos têm uma resposta maior, o que se conclui como uma propensão maior ao risco, segundo publicado na Business Insider.

Qual a sua disposição e suporte para arriscar? Falhar faz parte do processo e lidar com o sucesso também. É uma jornada de herói e normalmente se demora por volta de dois anos para fechar o primeiro ciclo de bons resultados. Você está pronto?

Leia mais:

7 dicas fundamentais para empreender no Brasil

As palavras que empreendedores de verdade nunca dizem

Os 4 erros mais perigosos para startups

Pedro Barcellos Janot Marinho é membro do Conselho da Azul Linhas Aéreas Brasileiras. Foi seu primeiro presidente-executivo, entre 2008 e 2012. Fez também o startup da rede de lojas fashion Zara no Brasil. A carreira executiva inclui o Grupo Pão de Açúcar, as Lojas Americanas e a Mesbla. Entre 1987 e 1997, foi Diretor Comercial, responsável pelo turnaround da Cia de Marcas – (Richards). É graduado em Administração de Empresas pela Faculdade Cândido Mendes (RJ), pós-graduado em Recursos Humanos pela PUC-RJ e possui MBA em Negócios pelo IBMEC.

Deixe seu comentário

1 Comentário

Faça login para deixar seu comentário sobre este conteúdo
  1. Neide de Souza Lima Rodrigues - says:

    0 curtidas
     
    Curtir

    Muito bom este artigo, é uma grande verdade, muitas pessoas querem ter resultados imediatos sem “plantar para colher”, sem ter profissionalismo, e acabam falando mal do produto, da empresa, ou de quem lhe indicou; sem perceber que o maior fator causador do “fracasso” foram elas mesmas.

Parceiros
Criação e desenvolvimento: