facebook
Você já se perguntou por que
nosso conteúdo é gratuito?
Somos uma ONG de fomento ao empreendedorismo de alto impacto que capacita
4 MILHÕES
DE EMPREENDEDORES
A CADA ANO
Faça a sua doação e contribua para continuarmos
este trabalho em 2016!

Intercâmbios entre empresas

LoadingFavorito

Existem negócios similares em diferentes países, com propósitos e impactos parecidos na sociedade. Veja porque conhecer de perto essas empresas pode ajudar a crescer a sua.

No atual cenário empreendedor, é comum encontrar algumas empresas com propósitos e valores parecidos, às vezes até com o mesmo impacto social, sediadas em países diferentes. Para o empreendedor consciente dos modelos de negócios semelhantes ao dele, que não sejam vistos como concorrentes mas como pares, a experiência em fazer um intercâmbio para outras empresas pode acrescentar muito ao modelo de negócio e a várias questões mais específicas.

O diretor de operações do portal Minha Vida, Alexandre Tarifa, teve a chance de vivenciar essa troca quando passou um período nos Estados Unidos para conhecer as instalações do Health Central. “Foi muito bom porque a empresa tem tudo a ver com a nossa”, comenta. “Como o Minha Vida, era um site de saúde, tinha praticamente o mesmo tamanho, mas trabalhava de forma diferente no mercado americano, um mercado muito mais evoluído.”

A passagem na empresa foi boa não só para ele, individualmente, como também para a estratégia do Minha Vida no Brasil. “Melhoramos muito, desde a área de conteúdo até o comercial. Até hoje usamos bastante coisa que foi fruto dessa experiência. Aprendi novidades sobre SEO, marketing, produtos, links patrocinados”, acrescenta Alexandre, frisando ainda que o ganho é mútuo: tanto do visitante como do anfitrião.

“Também levei muita coisa para lá. Foi uma grande troca, na verdade. Eles se interessaram tanto em conhecer o nosso modelo [de negócio], que o tempo todo tinha reunião, coisa pra fazer, gente pra conversar. Organizaram toda a minha agenda. Em um primeiro momento, a empresa que recebe pode achar que é só trabalho adicional, mas é algo muito valioso.”

No fim de 2012, Alexandre mudou de papel: passou de visitante para host de Karmel Al Labai, diretor de operações do portal Altibbi, uma plataforma semelhante ao Minha Vida, que opera na Jordânia. “Ele é do mesmo segmento e traz coisas diferentes, feitas em um mundo diferente, mas que dão resultado do mesmo jeito”, comenta.

Karmel, por sua vez, há duas semanas participando das operações do Minha Vida, conta que o seu negócio está em desenvolvimento. “Ainda temos poucos funcionários, mas tudo aumentou em um ritmo muito rápido”, compartilha o empreendedor. “O intercâmbio é muito bom porque eles têm um propósito parecido com o nosso. Levar novidades daqui para lá vai nos fazer crescer em bom ritmo e de forma controlada.”

Ao contrário do Minha Vida, que possui um núcleo editorial completo, o Altibbi ainda se caracteriza por ter uma equipe formada essencialmente por especialistas em saúde. “Nosso time é formado por médicos. Nossa plataforma permite que você classifique os médicos de acordo com a participação, tirando dúvidas dos internautas. É bom para nós, para ao usuário e para o próprio profissional de saúde, que é visto com mais credibilidade por milhões de pessoas”, completa.

O caso de Alexandre e Karmel inspira empreendedores de outras áreas a aplicar o mesmo conceito de intercâmbio para expandir ainda mais seus horizontes, criando e aprendendo ao fazer um benchmark mais próximo. Os diferentes mercados e contextos em que as empresas estão inseridas podem contribuir para que a empresa tenha uma “previsão” do que vem pela frente e prepare melhor os integrantes de seu time para que considerem cada vez mais o futuro nas estratégias da sua empresa.

Sobre o Altibbi

O Altibbi – “da medicina”, em tradução livre para o português – nasceu a partir de um projeto do pai de Karmel, Aziz Al Labai, um médico que queria criar um glossário de termos específicos da medicina em árabe. “É complicado porque os termos são todos em inglês. O médico escreve a receita e o paciente não entende, somente a entrega na farmácia”, conta Karmel.

O trabalho demorou 13 anos para ser finalizado e, após concluir este objetivo, a internet foi vista como o meio mais rápido de divulgar o conteúdo. Em poucos anos, o recém-criado portal passou a ser uma plataforma capaz de reconhecer uma doença a partir da descrição dos sintomas e quais medidas podem ser tomadas. “Hoje, estamos mais estruturados; temos inclusive um painel em que o internauta pode fazer perguntas para os médicos e tirar as suas dúvidas, por exemplo. Também traduzimos a linguagem para algo mais acessível para a população”, acrescenta.

De acordo com ele, a realidade do mundo árabe em relação a informações básicas sobre saúde pessoal é muito diferente da brasileira. “É complicado, porque coisas básicas, que já conhecemos aos 10 anos, as pessoas ainda não sabem. Então, o impacto social que causamos é muito grande e muito positivo. Estamos ajudando as pessoas a se cuidarem”, conclui o diretor do Altibbi. Atualmente, o portal recebe, em média, 2 milhões de visitantes únicos por mês.

 

Por Vinícius Victorino, da equipe de Cultura Empreendedora – Endeavor Brasil.

 

 
 
 
 
 
A Endeavor é a organização líder no apoio a empreendedores de alto impacto ao redor do mundo. Presente em mais de 20 países, e com 8 escritórios em diversas regiões do Brasil.

Acreditamos que a força do exemplo é o caminho para multiplicar empreendedores que transformam o Brasil e por isso trazemos aprendizados práticos e histórias de superação de grandes nomes do empreendedorismo para que se disseminem e ajudem empreendedores a transformarem seus sonhos grandes e negócios de alto impacto.

Deixe seu comentário

Parceiros
Criação e desenvolvimento: