Você já se perguntou por que
nosso conteúdo é gratuito?
Somos uma ONG de fomento ao empreendedorismo de alto impacto que capacita
4 MILHÕES
DE EMPREENDEDORES
A CADA ANO
Faça a sua doação e contribua para continuarmos
este trabalho em 2016!

Mini-tendências de consumo -Parte 1

LoadingFavorito

Radar de tendências em escala global, o Trendwatching revela grandes oportunidades de negócio. Confira a seguir a primeira parte de nossa seleção.

Já pensou se um alarme soasse a cada vez que você tomasse um cafezinho fora de hora? Ou se houvesse uma multa para as manhãs em que preferisse dormir um pouquinho mais em vez de ir à academia? Pois saiba que esses dispositivos não apenas já foram inventados, como estão entre os mais inovadores negócios no radar neste momento, como identificou a Trendwatching, empresa de tendências que examina o mundo em busca de tendências promissoras de consumo.

Caso esteja interessado nos itens citados, o primeiro chama-se Caffeine Zone e consiste em um aplicativo móvel que permite aos usuários monitorar sua ingestão de cafeína. Recomenda tanto os melhores horários para consumir bebidas com cafeína e obter mais prontidão mental como os piores, quando poderiam atrapalhar o sono. O segundo exemplo é o GymPact, que literalmente propõe um pacto entre os usuários. Eles fazem um acordo sobre quantas vezes pretendem ir à academia durante a semana e, caso atinjam sua meta, recebem uma recompensa financeira, caso contrário, devem pagar uma multa à comunidade.

Prontos para serem acessados, compartilhados e monetizados, estes modelos de negócio fazem parte de uma rede muito maior de comportamentos de consumo, registrados em países como o Brasil, Estados Unidos, China, Dubai, Japão, França, África do Sul, Quênia, Colômbia, Holanda, entre outros. A tendência que inclui os casos citados, por exemplo, identifica que se na internet não faltam informações e bons conselhos, o ponto de conflito está em realmente segui-los. Por isso, segundo o estudo, os consumidores estariam dispostos a receber bem os produtos, aplicativos e serviços que contribuissem para monitorá-los, lembrá-los e cutucá-los para agir melhor.

Neste sentido, outra criação interessante é a 22seven, uma plataforma de serviços financeiros capaz de analisar extratos e determinar onde é possível economizar. Além de descobrir onde o seu salário está sendo extinto, a pessoa recebe estratégias e planos para ajudar a reduzir as despesas. Outra ideia – no mínimo curiosa – é o Kahnoodle, um “painel de relacionamento” para casais, que recomenda medidas para manter a “saúde” da relação por meio de simples diagramas.

No topo das mini-tendências, destacam-se a “internet das coisas” – aplicativos tecnológicos que atendem aos consumidores em casa, como um despertador que acorda o usuário mais cedo ou mais tarde dependendo das condições climáticas – e os “custowners”: consumidores que, em vez de comprar passivamente, investem nos produtos e marcas das quais são clientes. A empresa holandesa Buitengewone Varkens aceita investimentos a partir de 100 euros em seu rebanho de porcos, criados de maneira sustentável, em troca de produtos provenientes dos animais por um período de três anos. Entre uma e outra, revelam-se grandes oportunidades de negócios para empreendedores atentos e criativos. Na próxima parte da matéria, traremos ainda mais exemplos de tendências para você apostar suas fichas.

 

Por Carolina Pezzoni, da equipe de Cultura Empreendedora – Endeavor Brasil.

 

 

 

 

A Endeavor é a organização líder no apoio a empreendedores de alto impacto ao redor do mundo. Presente em mais de 20 países, e com 8 escritórios em diversas regiões do Brasil.

Acreditamos que a força do exemplo é o caminho para multiplicar empreendedores que transformam o Brasil e por isso trazemos aprendizados práticos e histórias de superação de grandes nomes do empreendedorismo para que se disseminem e ajudem empreendedores a transformarem seus sonhos grandes e negócios de alto impacto.

Deixe seu comentário

Parceiros
Criação e desenvolvimento: