Sobre o Empreendedor

Luiz Eduardo Rezende

Talvez você nunca tenha ouvido falar da Prática, mas certamente já comeu um pão ou refeição preparados num equipamento desenvolvido por André e Luiz Rezende. Dois irmãos, filhos de pai empreendedor. Tinham tudo para dar certo, mas até chegar lá os tropeços foram muitos.

A história começou em casa, com o “Seu” Resende. Com muito orgulho ele comentava seus planos e de repente aquilo começava a se tornar realidade. Pensava grande quando isso nem era moda.

Formado em engenharia, André voltou para Minas e montou seu primeiro empreendimento com o irmão Luiz. Um magazine, que tinha na frente uma panificadora bem moderna com toda a produção à vista. Num tempo de inflação alta o negócio foi um desastre. Venderam tudo e compraram uma fábrica de esquadrias. Também não deu retorno e foi vendida.

André ficou com um pequeno galpão fabricando estantes de aço. E de novo foi um erro. Com os equipamentos que sobraram começou a pensar em novos caminhos. Lembrou da padaria do primeira loja e da conta de energia caríssima da padaria. Com essa idéia na cabeça e sua formação de engenheiro, começou a trabalhar no desenvolvimento de um forno mais eficiente em consumo de energia. Acabou chegando num produto ainda imperfeito. Produzir as primeira unidades era uma tarefa heróica: usavam ventoinha de Fusca e vidro de Kombi. Quase uma tecnologia alemã, mas era tudo do ferro velho. Foi o Day 1 da Prática.

Na sequência um cliente pediu uma adaptação no forno de padaria para usar em restaurantes. André viu que era uma oportunidade maior que a da padaria. Desenvolveu um sistema bem simples que tornava o produto muito bom com custo muito menor e desempenho semelhante. A chave do desenvolvimento da empresa foi ter embarcado em duas tendências muito fortes: refeições fora de casa e eficiência energética.

Nessa época Luiz estava em Belo Horizonte, onde foi estudar engenharia mecânica. Trabalhou em ótimas empresas onde aprendeu muito de indústria e engenharia mas a questão de empreender estava presente o tempo todo. De novo os irmãos se juntaram. E como lembra Luiz: “não tinha Plano B, era para dar certo ou dar certo.”

Mas logo veio o apagão com racionamento de energia. E eles só fabricavam equipamento elétrico. Do dia para a noite as vendas foram a zero. Resolveram desenvolver um forno a gás, conseguiram certificar os novos equipamentos e lançaram no mercado. De lá para cá tiveram uma trajetória mais regular de crescimento, agregando sempre novos produtos e tecnologia.

Sobre a Empresa

Usando sua alta energia, visão ampla e liderança natural, os irmãos André e Luiz Eduardo Rezende transformaram a pequena empresa, fundada em 1991, na principal fabricante brasileira de equipamentos de produção de alimentos. Com uma gama de produtos que economizam energia e um foco incomum em P&D, a Prática agora concorre com marcas internacionais estabelecidas na indústria de serviços alimentícios em rápida expansão no Brasil. E com uma presença sólida em seu mercado doméstico e clientes em 16 países em todo o mundo, André e Luiz Eduardo começaram a transformar a Prática em uma usina internacional de US$ 50 milhões. No processo, André e Luiz Eduardo, sem dúvida, trarão ainda mais empregos de alta qualidade para sua sede e cidade natal de Pouso Alegre, além de cumprirem seu importante status como modelos comunitários.

Segmento
Indústria
Ano Apoio Endeavor
2007

Outros empreendedores nesse negócio: