Sobre o Empreendedor

Bruno Balbinot

Quando observamos as infinitas possibilidades de inovação na construção civil, que vão de novos materiais, processos, ferramentas e tecnologias até diferentes modelos de negócio, uma série de novas oportunidades podem vir à cabeça. Mas, em 2013, eram poucos os empreendedores que conseguiam enxergar isso.

Entre eles, estava Bruno Balbinot que usou sua experiência com o mercado automobilístico para transformar, com a AMBAR, a indústria da construção. O empreendedor começou a enxergar na construção civil uma oportunidade de criar uma plataforma de alta tecnologia para desenvolver produtos que chegassem prontos no canteiro de obra. Para entender melhor o setor, passou a visitar algumas obras, reconhecendo o alto índice de desperdício de materiais e mão de obra desorganizada, que culminava em atrasos na entrega e problemas de qualidade e padronização. Estava ali uma oportunidade: criar uma estrutura baseada em Engenharia de Processos e Inovação de Produtos para solucionar esse gargalo.

Sobre a Empresa

A AMBAR nasceu na indústria de construção civil fornecendo tecnologia construtiva e produtos modulares para serem usados no canteiro de obras. Hoje, é considerada uma empresa de tecnologia para construção de habitações populares, que representam 70% da demanda global do setor. Sua missão é aumentar a eficiência da construção de casas populares, minimizando os resíduos da obra e ganhando agilidade, além de tornar o processo mais sustentável. Para isso, divide sua atuação em duas dimensões: Building & Living.

De um lado, desenvolveu uma metodologia estatística que integra a cadeia de valor -- Design, Supply e Assembly -- e é capaz de reduzir em até 20% os custos de construção usando 75% menos horas de trabalho no campo, se comparada com a metodologia tradicional.

De outro, aplica tecnologias que reduzem o custo total de vida dos moradores daquela casa, depois da obra ser entrega. Na prática, utiliza energia solar, sistemas de reutilização de água e softwares de gerenciamento em tempo real que ajudam não só aqueles moradores, mas também a comunidade, a consumir de forma mais consciente, reduzindo gastos com água, luz, energia e toda operação que mantém a casa em funcionamento. Já são mais de 75 mil casas entregues desde 20014, com intenção de manter o ritmo de crescimento nos próximos anos.

Ano de Fundação
2013
Segmento
Construção Civil
Ano Apoio Endeavor
2012