Sobre o Empreendedor

Alexandre Hadade

Quando o avô de Marcus e Alexandre se mudou para São Paulo, ele tinha 17 anos e nada no bolso. Até então só havia trabalhado na roça e começou uma vida empreendedora como mascate, indo vender produtos no interior. Todo dia guardava dinheiro para fazer um curso de eletrônica. O curso era por correspondência e em alemão, mas ele não falava nem o português direito. Conseguiu estudar com a ajuda de um amigo e montou a primeira lojinha de consertos de vitrola.

Depois de casado, foi morar com a esposa nos fundos da loja. Em vez de berço, pregou uma prateleira de madeira e colocou um colchãozinho para o filho, Abdo Antonio Hadade, dormir.

Com 9 anos, Abdo começou a buscar os rádios e entregar os produtos de bicicleta para ajudar o pai. Com 18 anos, a veia empreendedora se manifestou e ele assumiu a pequena oficina. Transformou-a na loja de eletrônicos Cineral e começou a crescer. Abriu outro negócio de consórcios para a venda de carros e eletrônicos.

Marcus e Alexandre ainda eram pequenos, mas participavam de tudo e trabalhavam como vendedores porta a porta. Assim que Marcus saiu do Exército, seu pai lhe disse: “A partir de segunda, você vai abrir a filial de vendas de consórcio”. Foi o que ele fez.

Mesmo tendo tido oportunidade de concluir uma faculdade de administração e de fazer cursos nos EUA e na Suíça, o que Marcus mais valoriza como sua verdadeira formação é a escola da família, com o exemplo do avô e do pai, e as experiências da vida real: “Toda decisão importante que meu pai ia tomar, ele sempre me chamava na sala. Sempre chamava para escutar a negociação. Eu escutava, anotava tudo e depois ele ia me explicando a estratégia de negociação, porque ele tomou tal decisão. Foi um aprendizado muito valioso.”

Havia grande expectativa da família de que Marcus e Alexandre assumissem os negócios, até então focados no setor de eletroeletrônicos. Mas o sangue empreendedor ansiava por novos horizontes e, depois de trabalharem na empresa da família, eles tomaram a decisão de construir a própria história.

Em 1998, seu Abdo havia comprado duas máquinas gráficas usadas, por meio de um anúncio nos classificados, para imprimir os carnês do consórcio e os manuais da Cineral. Era um volume grande de impressos, mas faltava mão de obra especializada, e as máquinas estavam entrando em desuso.

Para evitar que Abdo se desfizesse delas, Alexandre e sua mãe, Jaqueline, as puseram para funcionar em uma pequena gráfica. Marcus entrou logo depois como reforço comercial.

“Quando começou, a gráfica era super tosca”, conta Alexandre. Ela tinha 4 colaboradores e assumia pedidos que não tinha nem condição de imprimir, porque as máquinas eram velhas demais: “A gente mandava imprimir fora, fazia o acabamento e entregava.”

Só que os três foram tomando gosto pelo trabalho.

A Arizona era uma folha em branco e eles podiam pintar ali o que quisessem.

Sobre a Empresa

Os empreendedores do Arizona, Marcus e Alexandre Hadade, fundaram a empresa em 1998 e transformaram um pequeno departamento gráfico na maior empresa de cross media e plataforma de gerenciamento de campanhas no Brasil.

A inovação em “tecnologia de gerenciamento de cores” foi inédita no Brasil, resolvendo os desafios precisos de reprodução de cores dos clientes. Em 2004, os irmãos buscaram uma alternativa à impressão e identificaram a oportunidade escalável de fornecer soluções de gerenciamento de ativos digitais para grandes corporações (arquivos, imagens e filmes). Alexandre viajou para os EUA e para a Alemanha para estudar a tecnologia e criou uma nova unidade de negócios na Arizona responsável pelo desenvolvimento do software, chamado Visto.

Assim, a Arizona logo deixou de ser uma gráfica e se reinventou para se concentrar em soluções tecnológicas para marketing.

Hoje, a scale-up oferece serviços de produção de mídia cruzada gerenciados pela plataforma Visto para o departamento de marketing e agências de grandes empresas. Esta combinação de serviços gerenciados pela tecnologia é o molho secreto. A empresa aumenta a eficiência operacional de marketing de seus clientes em todos os seus serviços de produção: foto, retoque, editorial, anúncios impressos, vídeos, pré-impressão (produção / adaptação de conteúdo para mídia impressa), produção digital (banners online, aplicativos móveis, e-mail marketing e Landing Pages).

A Arizona cresceu e atingiu 275 funcionários com três escritórios localizados em São Paulo, no Rio de Janeiro e em Buenos Aires, e foi classificado pela CNBC como uma das 20 empresas mais inovadoras da América Latina e oito das mais inovadoras do Brasil. O Arizona possui mais de 100 clientes em mais de 25 países, incluindo Carrefour, W / McCANN, Coca-Cola, Mitsubishi, Natura, Citroën, Pernambucanas, Santander, Adidas, Havaianas, Peugeot, Tam, Mabe, Lew'Lara TBWA, NBS, JWT. , Almap, Talent, Taterka, Dentsu, QG e Publicis.

Ano de Fundação
1989
Segmento
Tecnologia
Ano Apoio Endeavor
2007

Outros empreendedores nesse negócio: