Investidores no Brasil: o que aprendemos em 2013

Wagner Rodrigues

O ano está acabando e você ainda “busca um norte”? Entenda que ainda há movimentações no mercado de investimento e ainda não é hora de levantar a bandeira branca.

O ano de 2013 não acabou e ainda podemos esperar movimentações no universo do private equity e venture capital. Mesmo assim, vale a pena olhar para os últimos 10 meses e conhecer alguns dados que podem ser úteis para quem ainda “busca um norte”, e por que não, para quem já tem o seu.

1. Valor de investimento

De janeiro até outubro, os fundos de private equity e venture capital investiram aproximadamente R$ 5,23 bilhões em empresas brasileiras, sendo que os investimentos de até R$ 10 milhões representaram apenas 9% do total.

Fonte: TTR (www.TTRecord.com)

2. Volume de investimento

Foram realizados 118 investimentos nesse período, tendo em conta que muitas vezes mais de um fundo investiu em uma mesma empresa. E quase 60% desse total vieram de fundos brasileiros. Dentre os fundos estrangeiros, os norte-americanos foram os que mais investiram, seguidos pelos fundos alemães.

3. Distribuição do investimento

Em relação ao número de negócios, as empresas que atuam nos segmentos de tecnologia e internet foram as que mais atraíram investidores. Nesses segmentos predominaram os investimentos cujos valores investidos em cada empresa foram inferiores a R$ 30 milhões. No gráfico seguinte estão os fundos que mais investiram nesses ramos, ordenados por número de investimentos realizados.

Do ponto de vista da assessoria financeira e legal para as transações envolvendo investimentos de private equity e venture capital, as tabelas abaixo listam os assessores que mais atuaram no período de janeiro a setembro de 2013, por número de transações assessoradas:

Fonte: TTR (www.TTRecord.com)

4. Dados de assessoria

Do ponto de vista da assessoria financeira e legal para as transações envolvendo investimentos de private equity e venture capital, as tabelas abaixo listam os assessores que mais atuaram no período de janeiro a setembro de 2013, por número de transações assessoradas:

Wagner Rodrigues é responsável pelo mercado brasieliro na área de Research and Business Intelligence doTTR – Transactional Track Record