Você já se perguntou por que
nosso conteúdo é gratuito?
Somos uma ONG de fomento ao empreendedorismo de alto impacto que capacita
4 MILHÕES
DE EMPREENDEDORES
A CADA ANO
Faça a sua doação e contribua para continuarmos
este trabalho em 2016!

De executiva a empreendedora

LoadingFavorito

Ela mudou de carreira, decidiu empreender, e agora conta os “do’s and don’ts” que gostaria que alguém tivesse compartilhado com ela.

 

Você sente que precisa mudar algo, mas não identifica exatamente o que é. Você deseja atribuir mais significado ao que faz, mas não sabe exatamente como. Você tem sonhos, planos e objetivos, mas não tem muita clareza de como vai colocá-los em prática. Ansiedade, frustração, medo e preocupação são alguns dos sentimentos que o visitam com frequência neste jogo de perguntas e respostas. 

Conheço bem essa história. Há exatos três anos eu me encontrava diante da mesma situação. Os primeiros questionamentos surgiram quando eu ainda ocupava uma posição de diretoria em uma grande multinacional. Logo, passaram a ocupar boa parte do meu dia e invadiram a minha vida pessoal. Eu estava inquieta, precisava mudar.

Então, refleti. Planejei. Errei. Acertei. Empreendi!

Com a decisão de empreender, vieram as respostas que eu precisava para substituir aqueles pesados sentimentos por algo como alegria, satisfação, prazer, ousadia. A inquietação deu lugar às certezas.

Passados os primeiros anos da minha vida empreendedora, tenho total clareza de que sonhos, desafios, erros e acertos serão meus companheiros constantes (e muito bem-vindos!). Mas hoje consigo enxergar alguns do's and dont´s que teriam facilitado o caminho. Por isso, compartilho a seguir alguns erros que você deve evitar até dormindo e algumas ações que, uma vez adotadas, vão facilitar e enriquecer ainda mais a sua jornada empreendedora.

Não…

… empreenda se essa não for, genuinamente, a sua praia.

… escolha um negócio que não alimente o seu sonho grande.

… inicie seu negócio sem planejamento. 

… escolha seus sócios somente pelas competências técnicas. Busque o alinhamento de valores.

… aumente seus custos operacionais em uma velocidade maior do que o crescimento das suas receitas.

… financie esse crescimento postergando obrigações fiscais e legais.

… busque atalhos ou o caminho mais fácil. Faça “certo” desde a primeira vez. 

Busque…

… investir no autoconhecimento. Qual é a sua marca? Que atitudes você deve deixar de lado? Como as pessoas o percebem? Como você gostaria que fosse?

… compartilhar, incansavelmente, o seu sonho grande. As pessoas ao seu redor precisam “ver” lá na frente o mesmo que você “vê”.

… definir valores para sua empresa que espelhem os comportamentos e atitudes nos quais você acredita. Escolha agir de acordo com eles 24 horas do dia.

… dar o mesmo nível de atenção à forma e ao conteúdo. Essas são duas variáveis que quando combinadas geram um grande diferencial. 

… crescer e investir no seu negócio. Respeite a geração de resultados, mas não economize nas questões que impactam as condições de trabalho e os direitos dos seus colaboradores.

… compartilhar seu sucesso. Reconheça as pessoas que trabalham com você de acordo com o alcance dos seus objetivos e da sua contribuição.

… ajuda. Coaches, mentores, outros empreendedores, especialistas, pessoas da sua rede de contato etc. podem contribuir muito ao fazerem as perguntas certas para você tomar suas decisões.

Os empreendedores ou as pessoas que sonham em empreender procuram nossos programas de coaching e mentoring em busca de reflexão e compartilhamento de experiências. Você vai descobrir que um dos grandes benefícios é mesmo a compreensão de que o verdadeiro empreendedor de sucesso é aquele que escolhe atitudes que garantem não só a sustentabilidade do seu negócio, mas acima de tudo das suas relações.

Qual vai ser sua próxima atitude empreendedora?

 

Claudia Klein é sócia da Argumentare e do Blog Salada Corporativa.

Leia também:

Preciso mudar! Mas, por onde começar?

O CNPJ já existe, mas e o escritório?

Trabalhar para quê?

 

, Argumentare, Sócia
Apoiar empresas e indivíduos a transformar a relação com o trabalho em fonte geradora de resultados e satisfação pessoal é o que faz Cláudia Klein - coach executiva formada pela Columbia University e pelo Erickson College, sócia da Argumentare e do blog Salada Corporativa. Desenho de soluções customizadas, significativa experiência prática e excelência acadêmica são as marcas que você vai encontrar nos projetos de consultoria em gestão de pessoas, coaching, desenvolvimento da liderança e palestras da Argumentare. Claudia é professora convidada da UFRJ-Coppead e da Fundação Dom Cabral. É mentora de empreendedores Endeavor e Diretora da Associação Brasileira de Recursos Humanos do RJ i(ABRH-RJ).

Deixe seu comentário

Parceiros
Criação e desenvolvimento: