Você já se perguntou por que
nosso conteúdo é gratuito?
Somos uma ONG de fomento ao empreendedorismo de alto impacto que capacita
4 MILHÕES
DE EMPREENDEDORES
A CADA ANO
Faça a sua doação e contribua para continuarmos
este trabalho em 2016!

Comunicação organizacional: um por todos, todos pelos resultados

LoadingFavorito
Comunicação organizacional: um por todos, todos pelos resultados

Com uma boa política de comunicação organizacional, você consegue mobilizar seus colaboradores em torno do que realmente importa para uma gestão: atingir objetivos

Falamos, neste artigo, sobre a importância de você dedicar tempo e recursos para o endomarketing. Afinal, atender bem seu público interno é tão relevante quanto atender bem o externo. Agora, abordaremos uma outra questão essencial para você aprimorar o clima em seu ambiente de trabalho, mobilizando os profissionais em torno de ideais comuns e construindo valores que compõem aqueles da sua cultura empresarial: a comunicação organizacional.

Uma primeira observação relacionada ao termo, e que ajuda a compreendê-lo: o “organizacional”, neste caso, refere-se não a organização como estruturação, mas sim como companhia, empresa. Por isso, em uma interpretação mais introdutória, a comunicação organizacional significa qualquer comunicação relativa a uma empresa.

Costumo fazer confusão entre comunicação institucional e organizacional. Qual a diferença?

Não é difícil apontar as distinções. A comunicação institucional é a área que envolve qualquer esforço para divulgar uma instituição e compartilhar suas propriedades intelectuais (histórico, valores, missão, visão, etc). O profissional desta atividade é responsável pela formação da identidade e da imagem positiva de uma organização em relação à opinião pública. Por isso, geralmente vem da área de relações públicas, e, como ferramentas, utiliza, além de RP, o jornalismo empresarial, a assessoria de imprensa, a publicidade/propaganda, o marketing social, o marketing cultural, etc.

Já a comunicação organizacional é responsável pela gestão dos relacionamentos com os públicos de uma organização. Tem o grande objetivo de otimizar tais relacionamentos, buscando a sintonia de interesses entre a empresa e estes públicos internos e externos.

É a comunicação das organizações, como dizem alguns especialistas, e costuma ser dividida em duas grandes áreas: a intra-organizacional – ou seja, a que é realizada internamente de uma organização – e a extra-organizacional – aquela que é realizada no nível exterior, geralmente entre duas ou mais organizações. Neste artigo, abordaremos a primeira área.

Por que investir em comunicação organizacional?

Porque é fato que a boa comunicação interna se tornou indispensável para qualquer empresa que pretenda ser competitiva. Foi-se o tempo em que só os resultados importavam, sem consideração pela forma como eram atingidos.

Hoje, as organizações estão cada vez mais preocupadas com o modo como seus colaboradores se relacionam e se comunicam, porque um ambiente favorável pode fazer toda a diferença nos negócios. Uma política sólida não apenas é capaz de integrar e motivar profissionais, como também pode conectá-la aos valores que compõem sua cultura. Afinal, é por meio dela que você consegue alinhar sua equipe à sua comunicação institucional, promovendo uma sincronia entre os colaboradores e suas práticas, suas filosofias.

Mas esta não é uma cultura tão difundida, é?

Na verdade, os paradigmas são outros. Antes, a comunicação organizacional não recebia tanta atenção de gestores, resumindo-se a alguns poucos e esporádicos esforços. Havia os “mídia kits” distribuídos aos veículos de interesse quando uma nova campanha publicitária era lançada, algum material de divulgação interno, e nada muito além.

Porém, com o exemplo recente dado por grandes empresas como Google e Facebook, o mercado foi percebendo que, quanto maior o alinhamento entre equipe e cultura de uma organização, melhor para todos os envolvidos – passando a ocupar uma posição central nesta nova configuração.

Mas no Brasil, de fato não, este processo ainda não é plenamente difundido. Pesquisas revelam que, devido à falta de alinhamento entre as empresas e seus funcionários, muitos planejamentos costumam falhar quando implementados; e que menos de 10% das estratégias são efetivamente executadas.

Só recentemente as instituições de ensino do país abriram cursos nesse segmento, que antes era exercida por jornalistas, publicitários e outros profissionais do ramo. Porém, o movimento já se iniciou, e agora, a julgar pelo que acontece mundo afora, só vai se acentuar.

Alinhamento é tão importante assim?

Sem dúvida, porque o verdadeiro alinhamento evita os deslizes mencionados acima. Ao promovê-lo, todos os componentes da sua organização – dos gestores aos estagiários – compartilham simultaneamente da mesma visão e valores. Todos têm total clareza na direção em que devem seguir, sabem exatamente onde a companhia quer chegar, e compreendem a importância de suas próprias atribuições ao longo deste processo.

O conceito de alinhamento também se baseia na ideia segundo a qual a performance econômica da sua empresa se relaciona diretamente com a sua habilidade de traduzir, para os colaboradores, a estratégia traçada para que os objetivos sejam atingidos.

E as práticas de comunicação organizacional são indispensáveis para este alinhamento. Por meio delas, você conseguirá administrar a comunicação interna, capacitando as lideranças e mobilizando os demais profissionais na busca pelos resultados.

Como faço isso? Não é só divulgar informações?

De modo algum. Você deve, antes de tudo, compreendê-la como ferramenta estratégica. Deve utilizá-la para impulsionar o seu desempenho e o seu sucesso financeiro.

Neste sentido, o ideal é que você a utilize para sempre compartilhar os seus valores organizacionais, e para se certificar de que tais valores são bem assimilados pela sua equipe. Sem que essa assimilação ocorra, seus colaboradores dificilmente conseguirão encontrar as alternativas inovadoras que fazem a diferença para qualquer gestão.

E isso vai muito além de meramente se divulgar informações sobre sua empresa. Use e abuse para orientar seus colaboradores em relação às necessidades dos clientes, para envolvê-los nos processos de negócio, para conscientizá-los dos fatores críticos para que a estratégia dê certo.

Enfim, colocadas de forma um tanto resumida, estas são as principais questões a respeito da comunicação organizacional. O importante é que você mantenha um canal de comunicação sempre aberto, tanto com seus colaboradores quanto com outras organizações.

Leia Mais:

A nova gestão da comunicação

A importância do “fio orientador” na comunicação da empresa

A comunicação 360 graus

A Endeavor é a organização líder no apoio a empreendedores de alto impacto ao redor do mundo. Presente em mais de 20 países, e com 8 escritórios em diversas regiões do Brasil.

Acreditamos que a força do exemplo é o caminho para multiplicar empreendedores que transformam o Brasil e por isso trazemos aprendizados práticos e histórias de superação de grandes nomes do empreendedorismo para que se disseminem e ajudem empreendedores a transformarem seus sonhos grandes e negócios de alto impacto.

Deixe seu comentário

Parceiros
Criação e desenvolvimento: