facebook
Você já se perguntou por que
nosso conteúdo é gratuito?
Somos uma ONG de fomento ao empreendedorismo de alto impacto que capacita
4 MILHÕES
DE EMPREENDEDORES
A CADA ANO
Faça a sua doação e contribua para continuarmos
este trabalho em 2016!

B2B: o que muda na sua estratégia

LoadingFavorito
B2B: o que muda na sua estratégia

Entenda qual a diferença de um negócio B2B para um B2C e a importância de investir em marketing em negócios desse tipo.

“Seu negócio é  B2B ou B2C?” Já te fizeram essa pergunta e você ficou meio sem saber do que se tratava? Bom, vamos acabar com essa dúvida. B2B e B2C são termos muito usados no mundo dos negócios, que descrevem características específicas do seu público alvo. Você precisa entender o que significam para fortalecer sua estratégia de marketing e pensar formas eficientes de fortalecer a relação entre você e seus cliente.

B2B significa “Business to business”, ou “Empresa para empresa”, e o B2C significa “Business to Consumer” ou “Empresa para consumidor”. Quando falamos que um negócio é B2B, quer dizer que seu público-alvo são outras empresas – e não o consumidor final, como é o caso de empresas B2C.

Para que um negócio tenha sucesso, é fundamental que o empreendedor tenha clareza da sua proposta de valor e do público que ele pretende atender, para a partir daí, desenvolver uma estratégia adequada aos seus desafios. Por exemplo: talvez não seja relevante para uma empresa B2B investir em uma estratégia de conteúdo para o facebook. O consumidor final dela está ali? Talvez não. Quem sabe possa trazer muito mais vantagens, e comunicar melhor a empresa apostar numa estratégia de presença da marca no LinkedIn.

Vender para uma grande empresa pode ser uma excelente oportunidade para seu negócio

Em geral, grandes empresas apostam na terceirização como uma solução mais econômica e vantajosa para diversos setores de uma empresa – e isso varia de empresa para empresa – como a gestão administrativa, de TI, de comunicação e marketing, vendas, telemarketing, transporte e distribuição, RH, serviços de limpeza e manutenção, serviços jurídicos, entre outros.

Mas, assim como a terceirização é um bom caminho para desafogar áreas e contar com a experiência de outras empresas para fortalecer o negócio, também há o outro lado da moeda: você, PME, pode pensar a terceirização como uma grande oportunidade de negócio: de prestar serviços para uma grande empresa.

Para isso, você precisa estar preparado para atender à nova demanda. Então, cuidado para não dar um passo maior do que sua perna. Você só deve entrar numa situação como essa, se realmente estiver com a operação redondinha. Faça as contas, veja se você conseguirá atender à demanda da grande empresa sem criar problemas financeiros para você.

Outro ponto importante: você precisa atender ao padrão de qualidade da empresa para quem você está fornecendo, claro. Então, é muito importante que você invista em melhorar processos, para ganhar em produtividade.

B2B: comunique sua empresa e agregue valor à marca com uma boa estratégia de marketing 

Um dos grandes desafios de um negócio B2B é encontrar formas inteligentes e interessantes de se vender para seus clientes. É preciso comunicar sua empresa ativamente. Como fazer isso para outras empresas sem parecer pedante? Da mesma forma que uma empresa que vende para o público final faria: sendo relevante na vida do seu consumidor.

Você pode fazer isso investindo em conteúdo. Talvez esteja no marketing de conteúdo a maior oportunidade (além de um bom produto, serviço e preços competitivos, claro) de se diferenciar no mercado.  De maneira geral, as empresas ainda estão engatinhando nesse campo.

Há várias opções de formatos de conteúdo que você pode investir. Para definir isso, você precisa considerar o seu cliente e o que faria ele reconhecer você como uma autoridade no assunto. A melhor maneira de levar interesse para você é se vender para o mercado como um especialista na sua área de atuação.

Revistas impressas com reportagens relevantes sobre o mercado em que estão inseridos (esqueça aquele blablabla de ficar se autopromovendo. Entregue para seu cliente dados que ele vai achar interessante, e que agreguem algo ao negócio dele e ao seu. O objetivo é, justamente, mostrar como você conhece do mercado e está alteando as novidades e tendências.

O LinkedIn também pode ser um espaço muito relevante. Que tal criar grupos de discussão, e promover debates construtivos? Essa rede social também é um ótimo espaço para divulgar estudos de caso ou quaisquer materiais que você esteja produzindo como pesquisas de mercado ou infográficos. Priorize a qualidade e você será relevante.

Você tem que pensar que é possível que seu cliente busque por serviços como o seu no Google. Então, se alguém buscar: transportadora, e você for uma, você precisa garantir que o site da sua empresa aparecerá no topo da lista de busca. O caminho para ter esse resultado é uma boa estratégia de SEO.

Mas o relacionamento pessoal continua sendo muito importante

Nada como um aperto de mão para selar um contrato ou uma bela apresentação de um serviço. A segurança do empreendedor naquilo que faz e vende é um fator fundamental. Então, por mais que você invista em conteúdo de qualidade e esteja colhendo bons frutos (como ser considerado uma referência em seu setor, o toque pessoal não pode faltar).

Invista no atendimento do seu cliente. Responda seus e-mails, ligue para ele e pergunte se está tudo correndo bem e se ele precisa de algo. Esteja ali para apoiar o cliente de verdade e seja honesto. Nada substitui uma relação de confiança construída sobre a base sólida do trabalho de qualidade.

Seus funcionários precisam ser embaixadores da sua marca

Essa é uma das dicas deste artigo da INC. Quando você engaja verdadeiramente seus funcionários com a sua empresa B2B, eles serão seus melhores propagandistas. Darão o seu melhor no atendimento aos clientes e na execução de suas tarefas. O trabalho deles falará mais alto do que qualquer coisa e isso vai gritar aos olhos do cliente (da mesma forma que um funcionário de cara feia também chama a atenção e até espanta clientes).

Leia mais: 

Negócios B2C e o desafio de conquistar (de verdade) o consumidor

 

A Endeavor é a organização líder no apoio a empreendedores de alto impacto ao redor do mundo. Presente em mais de 20 países, e com 8 escritórios em diversas regiões do Brasil.

Acreditamos que a força do exemplo é o caminho para multiplicar empreendedores que transformam o Brasil e por isso trazemos aprendizados práticos e histórias de superação de grandes nomes do empreendedorismo para que se disseminem e ajudem empreendedores a transformarem seus sonhos grandes e negócios de alto impacto.

Deixe seu comentário

1 Comentário

Faça login para deixar seu comentário sobre este conteúdo
  1. 0 curtidas
     
    Curtir

    Espetacular, simplesmente educador. Parabéns Endeavor.

Parceiros
Criação e desenvolvimento: